Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Soniak
Spirit
Spirit
Feminino Idade : 39
Mensagens : 2657

Vampire Knight: Fleeting Dreams [Coleção de Contos]

em Qua 31 Dez 2014 - 16:24


Vampire Knight: Fleeting Dreams
Publicado por: Viz Media
Lançado em: 12/2/14
Classificação: 16+




Para os fãs da série original, Vampire Knight: Fleeting Dreams pode ser uma leitura divertida; para todos os outros, mantém um pequeno charme.


Enredo



Vampire Knight: Fleeting Dreams é uma coleção de seis histórias curtas baseados no mangá original por Matsuri Hino. "Amor Enlouquecido" narra o amor oculto do Rido Kuran para com sua sobrinha, Juri. "Presentes para Yuki" conta a história encantadora das recompensas que Kaname Kuran oferece para Yuki Cross após o rastreio de seu primeiro teste. "O amor escondido" revela o conto do primeiro amor de Sara Shirabuki. "A rainha do abismo" segue Zero Kiryu e Kaito Takamiya como eles agem como guarda-costas de um vampiro perigoso. "Melancolia de uma donzela" é a história da égua espirituosa White Lily e seu amor por Zero. "Em mil anos" serve como um epílogo da batalha final no Cross Academy.




O Bom e o Mau


Como um presente para os fãs da franquia Vampire Knight, Vampire Knight: Fleeting Dreams talvez possa servir como um retorno nostálgico à série, dependendo da tolerância para a prosa e do disparate. Eu admito - que estava esperando algo significativamente mais literário, mas a escrita que recebi, enquanto razoavelmente centrada no contexto, lembra o padrão fan fiction a maior parte do tempo. E talvez isso seja bom para os fãs da franquia, mas para qualquer pessoa, os que se preocupam em ler boa literatura, Vampire Knight: Fleeting Dreams pode não ser tão incrível.



Das seis histórias incluídas em quase 300 volume de páginas, "Amor Enlouquecido" e "Amor Escondido" são facilmente os mais fracos, uma vez que dependem fortemente de prévia familiaridade com os personagens de contexto e não têm qualquer tipo de movimento em narrativa real. "Amor Escondido", em particular, depende de saltos temporais frequentes que cobrem grandes áreas do tempo e que fazem toda a história se sentir meio desconectada. "Presentes para Yuki" e "Em mil anos" ainda carecem de contexto para o ritmo dos personagens, mas ostentam plots independentes o suficiente para ser um pouco interessante por conta própria.


"A rainha do abismo" é, de longe, a história mais longa na coleção, e realmente se beneficia com a duração prolongada. É a única história na coleção que realmente relaciona uma narrativa completa e fornece detalhes suficientes por meio da ação de personagens e diálogos que Zero, Kaito, e Shien têm sem a forte dependência de outro material da franquia. A história também apresenta conflito real na forma de estacas de camada dupla para dois grupos distintos e, a história fecha com um sentimento de progressão e encerramento.






"Melancolia de uma donzela" é ... bem, é outra coisa. Escrito a partir da perspectiva da temperamental White Lily, "Melancolia de uma donzela" lida a partir do ponto de vista de uma colegial apaixonada e angustiada por um amor impossível - que é, naturalmente,  o mais ridículo por ser lamúrias de um cavalo. A história poderia funcionar bem como um pedaço de humor absurdo, mas decepciona. 
Mesmo assim, alguns podem considerar divertido.




No Geral



Como uma obra de literatura, Vampire Knight: Fleeting Dreams fica aquém do esperado. Como fanservice, certamente consegue seu objetivo colocando seus fãs novamente em um mundo familiar, embora os métodos através dos quais ele faz isso são, por vezes, ineficaz e outras vezes risíveis. Não há realmente muito a recomendar a coleção para a compra além de uma paixão pela série original, se está disposto a ignorar as deficiências óbvias da escrita e estruturação para o bem de voltar a um mundo familiar.


Review de: Isaac Akers


Fonte: Otaku World




NOTA: Decidi postar a review feita por um dos colaboradores do Otaku World aqui, mesmo depois de ler uma crítica tão negativa sobre a publicação. me dou o direito de contestar, uma vez que o anime e mangá escrito por Matsuri Hino foi sucesso tanto de crítica quanto audiência e deixou um pedido de 'quero mais' por parte de seus fãs.
Pode ser que para este crítico/resenhador não seja tão interessante quanto o já apresentado anteriormente ou, talvez, não ofereça tanto fascínio por sua falta de observação/entendimento do universo de VK.
O certo é que incutiu em mim um desejo maior de comprovar se o que ele escreveu realmente corresponde ao que resenhou.
(À procura da publicação para download, uma vez que só se encontra disponível na Amazon e outros para venda)

--------------------------------------------------------------------------------



Remember, there's sacrifice involved in any kind of life. (...)  
Those who realize this are the fortunate ones.
~John Allyn, The 47 Ronin Story~





Spoiler:
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum